Se preferir vá direto ao tópico desejado sobre o que fazer em Santiago:

O que Fazer em Santiago no Chile

O que fazer em Santiago
Santiago – Plaza de Armas

Santiago é um dos destinos queridinhos dos Brasileiros, principalmente no inverno que muitas pessoas são atraídas pela neve. Além de ser a terceira maior capital do mundo, a capital Chilena possui muitos atrativos turísticos que vão desde lindos parques e praças, pontos turísticos cheios de história, até estações de esqui para quem quer curtir a neve durante o inverno. Portanto, opções do que fazer em Santiago não irão faltar em sua viagem.

Então, agora vamos conferir os atrativos de Santiago para você fazer aquele roteiro com tudo que não pode deixar de conhecer na cidade. Aliás, também vamos dar dicas bem especiais para você planejar a sua viagem.

Para ler em seguida:

Sobre Santiago

Em primeiro lugar, Santiago é a maior cidade Chilena, com 6.310.000 habitantes, sendo também a capital do país. Mas o que mais impressiona na cidade, sendo um dos motivos de atrair muitos turistas é que Santiago fica localizado em um vale cercado pela Cordilheira dos Andes.

Desse modo, a Cordilheira dos Andes é a mais extensa Cordilheira continental e abrange no total sete países, sendo eles: Venezuela, Colômbia, Equador, Peru, Bolívia, Chile e Argentina. Aliás, para quem vai a Santiago de ônibus, saindo de Mendoza, irá passar pela Cordilheira. Sendo que seu trajeto inclui paisagens incríveis. Então, para ver como é a travessia de Mendoza a Santiago de ônibus clique aqui.

A capital Chilena possui duas estações climáticas bem definidas. Assim, durante o inverno as temperaturas negativas são comuns, e as nevascas também. Por outro lado, durante o verão, as temperaturas são elevadas e o calor é certo.

O idioma oficial do Chile é o espanhol. Apesar de algumas pessoas terem nos alertado que o espanhol dos Chilenos é de difícil compreensão, achamos bem tranquila a  comunicação. Claro que não falamos espanhol muito bem, mas nada que algumas mímicas e um portunhol não resolva.

A moeda oficial do Chile, assim como em Santiago é o Peso Chileno.

Câmbio em Santiago do Chile

As principais casas de câmbio de Santiago e com as melhores cotações ficam na Rua Agustinas, no Centro da cidade. Todas ficam bem próximas umas das outras. Desse modo, você vai ter a oportunidade de comparar os preços e encontrar a melhor cotação para trocar seu dinheiro.

Ainda mais, na maioria das casas de câmbio eles aceitam Real, Dólar, Euro, Peso Argentino e Peso Chileno. Aliás, o Real é uma moeda muito valorizada no Chile, principalmente em Santiago, onde as opções de casa de câmbio são muitas. Então, vale a pena levar Real e trocar em Pesos Chilenos direto em Santiago.

Em nossa ida a Santiago, as casas de câmbio do aeroporto estavam com o Real bem desvalorizado. Portanto, a troca no aeroporto não era vantajosa.

Para ver mais dicas e saber onde fazer câmbio aos domingos e feriados, bem como os cuidados para ter com o câmbio e dinheiro na Capital Chilena, leia nosso artigo de câmbio em Santiago

Qual a melhor época para ir à Santiago

O que fazer na cidade de Santiago
Santiago – Chile

Mas qual a melhor época para ir a Santiago? Sem dúvida, dá para aproveitar a capital Chilena em qualquer estação. Então, a primeira resposta para essa pergunta é bem clichê, a época que você tenha disponibilidade, ou ainda encontre passagem aérea na promoção.

Veja buscadores e dicas para encontrar passagens aéreas baratas.

No entanto, dependendo da suas pretensões na cidade, algumas épocas são mais recomendadas para a viagem. Desse modo, vamos as principais características de cada estação em Santiago. Assim, você poderá escolher melhor a data da sua viagem.

Santiago no Inverno

Em primeiro lugar, o inverno no Chile se inicia no final de Junho e se estende até o final de Setembro. Assim, essa época é ideal para quem quer aproveitar a neve. Ainda mais, no inverno as estações de esqui se encontram abertas. Então, se você quiser visitar as estações de esqui cobertas de neve, vá durante o inverno.

As temperaturas mais comuns no inverno em Santiago é entre 0 ºC e 13 ºC, mas a capital também pode atingir temperaturas negativas. Contudo, nas estações de esqui as temperaturas podem chegar a – 15 ºC. Mas, lembre-se que no Centro de Santiago a neve é um fenômeno extremamente raro e atípico. Então se você quiser ver neve precisa ir até as estações de esqui próximas a capital.

O período exato em que ocorrem as nevascas é difícil de dizer, pois dependem das variações climáticas e podem variar de ano para ano.

Santiago no Verão

O verão no Chile se inicia no final de Dezembro e se entende até o final de Março. Desse modo, o verão em Santiago atinge temperaturas bem altas que variam normalmente entre 16 °C e 35 °C. Portanto, o calor durante os dias de sol é bem intenso. 

Nessa época dá para curtir todas as atrações da cidade, com exceção das estações de esqui que se encontram desativadas e sem neve. Sendo assim, essa época é ótima para curtir passeios nas cidades litorâneas, como Vinã del Mar e Valparaíso. Ainda mais, no final do verão as vinícolas também estão em época de colheita, sendo um excelente período para visitá-las.

Santiago no Outono

O outono no Chile se inicia no final de março e vai até o final de Junho. Sendo uma estação muito agradável em Santiago.

Assim, as temperaturas são agradáveis, variando geralmente entre 5 ºC e 20 ºC, as folhas das árvores estão caindo e a cidade ganha aquele lindo ar típico do outono. Ainda mais, os parques e ruas ganham os tons da estação com o chão repleto de folhas.

Santiago na Primavera

Por fim, a primavera no Chile se inicia no final de Setembro e vai até o final de Dezembro. Na primavera as temperaturas em Santiago costumam variar entre 8 ºC e 25 ºC e os parques, praças e ruas se encontram floridos. Aliás, durante essa estação é possível aproveitar um pouco de neve que ainda não derreteu nas estações de esqui.

O que fazer no Centro Histórico de Santiago e pontos turísticos

Mas é claro que uma cidade tão grande como Santiago possui muitas atrações para você conferir em sua viagem. Assim, agora veja todas as dicas do que fazer no Centro de Santiago e todos os pontos turísticos, monumentos históricos, parques, praças, museus e Igrejas para conhecer na cidade.

Casa Museu La Chascona

O que fazer em Santiago -  Casa Museu La Chascona
Casa Museu La Chascona

A Casa Museu La Chascona é uma das três casas do famoso poeta chileno Pablo Neruda. Assim, a Casa museu fica no bairro Bela Vista e está aberto para visitação, exceto nas segundas-feiras.

Endereço: Fernando Márquez da Plata 0192, Bairro Bellavista, Providencia, Santiago. Aberto para visitação de março a dezembro: de terça a domingo, das 10:00 h às 18:00 h; Janeiro e fevereiro: de terça a domingo das 10:00 às 19:00.

 Correo Central

O Correo Central é um edifício histórico localizado na Plaza das Armas. Desse modo, o edifício já serviu de residência para Pedro Valdívia e foi Sede do Governo. Contudo, após um incêndio ele passou por reformas, sendo feita a fachada que o mesmo possui atualmente.

Antigo Congresso

O Antigo Congresso é um edifício histórico monumental, que abrigou o Senado e a Câmara dos Deputados até 1973, quando o Congresso foi dissolvido por Pinochet. Com o fim da ditadura em 1990, o parlamento eleito se transferiu para Valparaíso. Assim, hoje o edifício abriga congressos e reuniões parlamentares, e é possível admirar sua fachada e visitar seus jardins internos. Aliás, em frente ao Congresso fica o prédio da Suprema Corte.

Bairro Paris Londres

Bairro Paris Londres - O que fazer em Santiago do Chile
Bairro Paris Londres

O pequeno Bairro Paris Londres é composto por duas charmosas ruas. Mas o  bairro reserva muita beleza ao seus visitantes. Desse modo, com ruas marcadas pelo estilo arquitetônico europeu, o local é aconchegante e cheio de detalhes encantadores. Sendo perfeito para uma caminhada.

Se você está planejando uma viagem para a capital Chilena, então veja os melhores bairros para se hospedar.

Parque Florestal

O que fazer no centro histórico de Santiago -Museu Nacional de Belas Artes
Museu Nacional de Belas Artes
 Parque Florestal
Parque Florestal

O Parque Florestal é um parque extenso e muito arborizado localizado ao longo da Avenida Costanera. Aliás, nesse parque ainda fica o Museu Nacional Belas Artes.

O Parque Florestal é um lugar agradável com muitos bancos e a Fonte Alemã que se destaca. Ainda mais, em frente ao parque fica a sorveteria artesanal Empório La Rosa, uma das mais bem conceituadas de Santiago.

Museu Nacional de Belas Artes

Com sede em um belo edifício, o Museu Nacional de Belas Artes possui um acervo com mais de 5 mil obras. Aliás, o Museu fica localizado no Parque Florestal.

Além de ser um dos museus mais importantes de Santiago também é um dos mais antigos da América latina. A entrada ao Museu é gratuita.

Endereço: José Miguel de La Barra 650, Santiago, Región Metropolitana, Chile.

Cerro San Cristóbal

O Cerro San Cristóbal é o segundo cerro mais alto de Santiago. Com uma altura de cerca de 300 metros, ele faz parte do Parque Metropolitano de Santiago.

Além da linda vista para a cidade, no Cerro você encontra um imagem da Virgen de la Inmaculada Concepción, com 14 metros de altura sobre um pedestal de 8,5 metros.

O jeito mais popular de subir o Cerro é de furnicular. Mas você também poderá subir a pé ou  de bicicleta, nesse caso não precisa pagar nada e ainda poderá desfrutar das trilhas.

Mercado Central de Santiago

Mercado Central de Santiago - O que fazer em Santiago
Mercado Central de Santiago
O que fazer em Santiago - Plaza de Armas
Plaza de Armas de Santiago

O Mercado Central fica em um edifício histórico no Centro de Santiago. Desse modo, no Mercado você encontrará uma variedade de produtos locais, além de restaurantes que oferecem em seu cardápio a típica culinária chilena, incluindo a famosa centolla. Consideramos esse um ponto turístico polêmico, há quem ame e há quem odeie. Sinceramente não curtimos muito o local devido a inconveniência dos vendedores, que nos perseguiram insistentemente pelos corredores do mercado oferecendo seus produtos e cardápios.

Endereço: San Pablo, 967 – Santiago.

Plaza de Armas

A Plaza de Armas é a principal praça de Santiago. Desse modo, ela possui grande importância história para a cidade. Além de ficar no centro de alguns dos principais edifícios históricos de Santiago, como a Catedral Metropolitana, Agência Central dos Correios e Royal Court Palace.

Museu de Arte Pré-Colombiana

O Museu de Arte Pre-colombiana possui um acervo com peças históricas datadas do período pré-colombiano. Assim, as peças traduzem a história e cultura antes da chegada dos espanhóis à América.

Endereço: Bandera 361, Santiago, Chile.

Palácio de La Moneda

O que fazer em Santiago - Palácio La Moneda
Palácio La Moneda

O Palácio de La Moneda é a sede do governo Chileno. Desse modo, ele possui um estilo neoclássico e foi declarado Monumento Nacional. É possível agendar uma visita guiada para conhecer o interior do palácio. Clique aqui para agendar sua visita. Ainda mais, no Palácio de La  Moneda ainda ocorre a troca da guarda, um evento imperdível em Santiago.

Endereço: Praça da Cidadania 26, Metro La Moneda, Santiago, Chile.

Centro Cultural La Moneda

O Centro Cultural La Moneda fica no subsolo do Palácio de La Moneda.. Desse modo, o local conta com salas de exposições para obras de arte. Além disso, possui espaço para crianças, café e lojas onde você poderá comprar livros ou lembrancinhas. Confira no site do Centro Cultural os horários e tarifas para visitação.

Cerro Santa Lucía

Cerro Santa Lucía - Santiago do Chile
Cerro Santa Lucía

Com aproximadamente 70 metros de altura, o Cerro Santa Lucia oferece uma vista privilegiada para a cidade de Santiago, bem como para a Cordilheira dos Andes.  A subida ao cerro é feita por rampas e muitas escadas. Ainda mais, sua entrada é gratuita.

Desse modo, a caminhada até o mirante, que fica no topo do Cerro é arborizada e cheia de descobertas agradáveis. As construções, flores e objetos como canhões decorativos deixam o caminho ainda mais agradável de ser percorrido. Então, ao visitar o Cerro vá sem presa. Assim, você poderá aproveitar ao máximo o lugar.

O Cerro possui duas entradas: a principal está na Avenida Alameda e a segunda na Rua Merced.

Catedral Metropolitana de Santiago

A Catedral Metropolitana é um importante símbolo religioso do país. Localizada na Plaza das Armas, o edifício que passou por diversas reformas, guarda muita beleza e riquezas de detalhes em sua arquitetura e ornamento. Para quem gosta de incluir Igrejas no roteiro, certamente vai amar a Catedral.

Bairro Lastarria

Esse é um dos bairros mais charmosos de Santiago e certamente o bairro que mais nos encantou.

Lastarria é um bairro histórico, onde você encontrará edifícios do século XIX, cercados por prédios modernos. Assim,  o bairro  também conta com uma ótima infraestrutura, reunindo gastronomia, moda e beleza. Ainda mais, no bairro acontece uma feira de antiguidades e algumas apresentações artísticas. Além disso, Lastarria é conhecido como polo gastronômico com ótimos restaurantes, bares, sorveterias e cafés.

Museu Histórico Nacional

O Museu Histórico Nacional também fica localizado na Plaza das Armas. Desse modo, ele fica em um lindo edifício histórico e possui exposições que retratam a história e o passado do Chile, como a chegada dos espanhóis ao país, o fim do império e as mudanças políticas e culturais que ocorreram no Chile ao longo dos anos. Ainda mais, a entrada no museu é gratuita.

Dica: é possível conhecer muitas atrações do Centro Histórico de Santiago com o Free Tour. Desse modo, nesse passeio um guia te leva as principais atrações, contando todas as histórias e curiosidade do local. Ainda mais, todo o passeio é gratuito. Para saber mais sobre o passeio leia nosso artigo Free Tour Santiago.

Bairros e pontos turísticos de Santiago

Apesar de muitos dos pontos turísticos de Santiago ficarem no Centro Histórico, a capital Chilena possui vários outros pontos turísticos espalhados pelos bairros da cidade. Então agora vamos conferir o que fazer em Santiago, além do Centro Histórico.

SKY Costanera

O que fazer em Santiago - SKY Costanera
SKY Costanera

O SKY Costanera é o mirante mais alto da América Latina. Desse modo, ele possui uma vista privilegiada de 360º da cidade de Santiago e da Cordilheira dos Andes, e fica no topo do edifício mais alto da América Latina, o Costanera Center, que possui 300 metros de altura.

Além do mirante, no edifício fica o Shopping Costanera, o maior shopping de Santiago. Além da variedade de lojas como H&M, Forever 21, Victória Secrits e muitas outras, o shopping ainda oferece um desconto especial para turistas estrangeiros. Para garantir o desconto basta mostrar um documento de identidade ou passaporte na recepção, e pegar um cartão que te garante o desconto em lojas específicas.

O Costanera Center fica localizado no bairro Providencia, e abre todos os dias. O mirante SKY Costanera também fica aberto todos os dias da semana de 10:00 hrs às 22:00 hrs, e os preços variam entre 10.000 a 20.000 Pesos Chilenos. Para ver mais informações sobre o SKY Costanera clique aqui. E para mais informações sobre o Shopping Costanera Center clique.

Museu da Memória e dos Direitos Humanos

O Museu da Memória e do Direito Humanos fica localizado em um edifício moderno. Assim, suas exposições tem como objetivo retratar as violações dos direitos humanos cometidas pelo Estado Chileno no período entre os anos de 1973 e 1990, durante o regime de Pinochet. Aliás, o museu também homenageia as pessoas que sofreram algum tipo de agressão durante o regime.

Endereço: Matucana 501, Santiago, Región Metropolitana, Chile .

Parque Araucano

 Parque Araucano
Parque Araucano
Shopping Parque Arauco
Shopping Parque Arauco

Apesar de pouco visitado pelos turistas, o Parque Araucano foi um dos parques mais lindos que visitamos em Santiago. Localizado no Bairro Las Condes, o parque possui diversas atrações.

Os lindos jardins floridos e as obras de arte foram o que mais nos encantaram. O parque também possui brinquedos infantis, quadras de futebol e basquete, além de muitas áreas gramadas para descansar ou fazer um piquenique. Ainda mais, durante o inverno o parque recebe uma pista de gelo para patinação.

Shopping Parque Arauco

O Shopping Parque Arauco fica bem próximo ao Parque Araucano, e devido a semelhança de nomes é comum a confusão entre os dois. O Shopping Parque Arauco é um dos principais shoppings de Santiago. Com uma variedade de lojas, o diferencial do Parque Arauco é a presença de um distrito somente com marcas de Luxo como Versace, Louis Vuitton, Mont Blanc, Dolce & Gabbana e outras. Além das lojas de Luxo no Shopping você também encontra lojas mais populares como Lojas Paris, Falabella,  Victoria´s Secret e outras.

O Shopping Parque Arauco fica no bairro Las Condes, e assim como o Costanera Center oferece descontos para turistas estrangeiros.

Templo de Bahá’í

O Templo de Bahá’í  é uma casa de oração que vem se popularizando entre os turistas pela sua arquitetura contemporânea impressionante. Dentre as paisagens que mais se destacam no templo está o por do sol e o anoitecer. As luzes deixam a obra arquitetônica ainda mais em evidencia formando um cenário incrível.

O templo de Bahá’í fica localizado a aproximadamente 20 km da do Centro de Santiago, aos pés da cordilheira dos Andes, na região Metropolitana de Santiago.

Passeios nas Vinícolas de Santiago

Para quem ama vinho, um passeio pelas vinícolas não podem faltar em sua viagem. Aliás, esses passeios em Santiago são bem populares entre os turistas.

A maioria da agências de turismo oferecem pacotes de passeios para as vinícolas, mas também é possível fazer o passeio por conta própria. Assim, basta agendar o tour desejado diretamente no site das vinícolas.

Para quem deseja ver as parreiras cobertas de cachos de uvas, sem dúvida a melhor época para visitar as vinícolas é o verão. E claro que para quem ama vinhos e deseja levar seus rótulos de vinho preferidos para casa, as vinícolas possuem lojinhas onde é possível comprá-los.

Vinícolas do Valle del Maipo  

O Valle del Maipo fica localizado nos arredores de Santiago, a apenas 9 km da capital. Assim, nele ficam algumas das vinícolas mais famosas de Santiago, como a Concha y Toro. A opção mais comum de visitar as vinícolas do Valle del Maipo, além das agências de viagem, é de ônibus.

Mas você também poderá se aventurar e alugar um carro para conhecer a vinícolas de Santiago, veja nesse artigo nossa experiência alugando um carro para conhecer o Sul do Chile.

Concha y Toro - Vinicolas de Santiago
Concha y Toro

1. Concha y Toro

A Concha y Toro é a vinícola mais popular de Santiago e também a mais procurada pelos turistas brasileiros. Desse modo, a vinícola fica a aproximadamente 35 km de Santiago.

Concha y Toro foi fundada em 1883 pelo Don Melchor Concha y Toro. A vinícola fabrica vários rótulos de vinho, incluindo o famoso Casillero del Diablo. Aliás, é possível fazer o passeio a vinícola por conta própria ou por agência, para quem for por conta própria é necessário agendar a visita no site da Concha y Toro.

Endereço: Rua Virginia Subercaseaux, 210 – município de Pirque – Região Metropolitana de Santiago.

2. Cousiño Macul

A Cousinõ Macul é a vinícola mais antiga de Santiago, fundada em 1856 e fica a aproximadamente 20 km da capital Chilena. Até hoje a vinícola é administrada pela família fundadora. Para quem visitar a vinícola por conta própria também é necessário o agendamento. Desse modo, ele pode ser feito pelo site da Cousiño Macul.

Endereço: Av. Quilín 7100, Penalolen, Peñalolén, Región Metropolitana, Chile.

3. Undurraga

A Undurraga foi fundada em 1885, sendo uma das mais antigas vinícolas do Chile. Assim, a vinícola fica a aproximadamente 40 km de Santiago.

Ainda mais, a vinícola é moderna e oferece diversos tipos de tours  que podem ser agendados pelo site da Undurraga.

Endereço: Camino a Melipilla 34, Talagante, Región Metropolitana, Chile.

4. Santa Rita

A vinícola Santa Rita foi fundada em 1880 por Dom Domingo Fernández Concha, e fica localizada na região de Alto Jahuel, a aproximadamente 40 Km de Santiago.

Aliás, a vinícola Santa Rita é uma das que oferece melhor e mais completa estrutura na região Metropolitana de Santiago. Desse modo, a vinícola usa as mais avançadas tecnologias na sua produção de vinho. Sendo que um dos rótulos mais conhecidos da vinícola é o Casa Real Reserva, vinho 100% Cabernet Sauvignon, considerado um dos mais importantes que foi produzido no Chile. Ainda mais, a vinícola oferece vários tours e experiências que podem ser agendados pelo site da vinícola Santa Rita.

Endereço: G-45, Alto Jahuel, Buin, Región Metropolitana, Chile.

5. Aquitania

A vinícola Aquitania possui como diferencial uma linda vista para a Cordilheira dos Andes e fica a aproximadamente 20 km de Santiago. Desse modo, essa vinícola pode ser uma ótima opção de passeio para quem ama admirar a vista para a Cordilheira. Aliás, a vinícola que produz vinhos Premium e Reserva oferece dois tipos de Tour que podem ser agendados no site da Aquitana.

Endereço: Av. Consistorial 5090, Penalolen, Peñalolén, Región Metropolitana, Chile.

6. Haras del Pirque

A Haras del Pirque fica localizada a aproximadamente 42 km de Santiago. Desse modo, a vinícola de produção de uvas e vinhos orgânicos conta com uma instalação moderna em forma de ferradura, além de um restaurante com produtos orgânicos. Os tours podem ser agendados diretamente no site da vinícola Haras del Pirque, assim como as reservas no restaurante.

Endereço: Unnamed Rd, Pirque, Región Metropolitana, Chile.

7. Viña Tarapacá

A vinícola Tarapacá fica localizada a aproximadamente 80 km de Santiago. Assim, a vinícola centenária tem como destaque em sua produção, os vinhos Grã reserva. Aliás, a sede da vinícola fica em um lindo casarão, envolto  de um lindo jardim. A vinícola oferecem três tipos de tour que podem ser agendados na site da Viña Tarapacá.

Endereço: Isla de Maipo, Chile.

Vinícolas do Valle do Colchagua

O Valle do Colchagua fica um pouco mais longe, a cerca de 180 km de Santiago. Mas ele também possui muitas vinícolas que produzem excelentes vinho, como a Casa Lapostelle e Casa Silva.  Desse modo, as opções mais comuns de visitar as vinícolas do Valle do Colchagua além das agências de turismo é de ônibus ou trem da Ruta del Vino ou da Ruta Central.

 Vinícolas do Valle do Colchagua
Vinícolas do Valle do Colchagua

1. Casa Lapostolle

A moderna vinícola Casa Lapostolle foi fundada em 1994 por Alexandra Marnier Lapostolle e seu esposo Cyril de Bournet. Desse modo, a vinícula do Valle do Colchagua produz vinhos Cuvée Alexandre, Lapostolle e Borobo. Portanto, a vinícola que fica em uma fazenda de tradicional estilo chileno, oferece dois tipos de tour que podem ser reservados no site da Lapostolle.

Endereço: Camino Apalta Km 4, Chile, Santa Cruz 3130000, Chile.

2. Casa Silva

A Casa Silva é uma das vinícolas mais tradicionais do Valle do Colchagua, sendo também conhecida pela produção de vinho de alta qualidade. Desse modo, a vinícola fica localizada a aproximadamente 140 km de Santiago.

Além da vinícola que possui uma adega no estilo colonial, o local conta com um restaurante e bar.  Ainda é possível se hospedar no hotel da vinícola para uma experiência mais profunda.

Assim, a Casa Silva Boutique Hotel está localizado na residência original da família Casa Silva, em uma ambiente tranquilo e aconchegante. Uma ótima e confortavel opção de hospedagem para quem optar por ficar alguns dias no Valle do Colchagua . Os tour na vinícola podem ser reservados pelo email tours@casasilva.cl ou pelo Telefone: (56 72) 2913117. As reservas no Hotel Boutique podem ser feitas no Booking clicando aqui.

Endereço: Unnamed Road, San Fernando, Región del Libertador Gral. Bernardo O’Higgins, Chile.

 3. Vinã Montes

A Viña Montes foi fundada em 1987. Desse modo, o destaque dessa vinícola é a sala de Barricas onde os vinhos são amadurecidos ao som de cantos gregorianos. A vinícola além de possuir um restaurante, oferece 3 tipos de tours, além de experiências como trekking e almoço campestre. Assim, os tours e experiências podem ser agendados pelo site da Vinã Montes.

Endereço: I-350, Santa Cruz, Región del Libertador Gral. Bernardo O’Higgins, Chile.

4. Viña las Ninas

O Viña las Ninas é cultivado por mulheres de três famílias. Aliás, sua adega fica uma construção contemporânea. Ainda mais, a vinícola oferece três diferentes tipos de tour que podem ser agendados pelo email, turismo@vinalasninas.cl.

Endereço: Parcela 11 Apalta Casilla 94,, Millahue, Santa Cruz, Región del Libertador Gral. Bernardo O’Higgins, Chil

5. Viu Monent

A Viu Manet se destaca por oferecer uma variedade de tours e experiências completas. Assim, você poderá fazer o tour de carruagem, bicicleta, tour ao entardecer e o tour ícones. Na vinícola você ainda encontra um restaurante, um café e loja de vinhos. Desse modo, os tour e experiências podem ser agendados no site da Viu Monent.

Endereço: 3130000, Carretera del vino km 37 Viu Manent, Santa Cruz, Región del Libertador Gral. Bernardo O’Higgins, Chile.

6. Santa Cruz

A vinícola Santa Cruz é moderna e foi fundada em 2003. Desse modo, ela oferece 21 tipos de experiências e tours para seus visitantes. Entre eles, um passeio de teleférico até a Colina Chamán, onde você visitará as Aldeias Indígenas, conhecendo suas histórias, rituais e crenças. Assim, os pesseios e tour podem ser agendados no site da Santa Cruz.

Endereço: Ruta, I-72 km 25, Lolol, Región del Libertador Gral. Bernardo O’Higgins, Chile.

Passeios bate e volta saindo de Santiago

E claro que além de toda a beleza da cidade existem muitos lugares no entorno de Santiago que certamente irão te encantar. Então as opções de passeios saindo de Santiago são muitas, e assim como nas vinícolas, as agências de turismos oferecem todos esses passeios. Mas para quem gosta de se aventurar por conta própria é claro que é possível realizá-los sozinho.

Passeio para Vinã del Mar               

Valparaíso - Bate e Volta a partir de Santiago
Valparaíso
 Vinã del Mar - Bate e volta a partir de Santiago
Vinã del Mar

Vinã del Mar é uma cidade litorânea que fica a aproximadamente 130 km de Santiago, e junto com Valparaíso formam um dos mais lindos balneários do Chile. Assim, a cidade que possui excelente infra-estrutura, encanta aos visitantes com seus museus, praias e lindos jardins coloridos.

O Relógio de Flores é uma das atrações mais visitadas da cidade, mas nela você também encontra muitas outras atrações incríveis, como Muelle Vergara, Playa de Los Marineros e muitas outras. Além das atrações, a cidade possui excelentes restaurantes e hotéis.

Assim, para quem for conhecer a cidade por conta própria é bem simples, basta pegar o ônibus para Vinã del Mar, eles saem do Terminal Rodoviário Alameda. Outra forma de visitar a cidade é contratando um tour com uma agência de turismo, a maioria das agências de Santiago oferecem o passeio no qual se conhece as cidades de Vinã del Mar e Valparaíso.

Veja aqui Dicas para visitar Valparaíso em 1 dia pelo blog Mala de Aventuras.

Passeio para Valparaíso

Valparaíso é a vizinha muito próxima de Vinã del Mar. Assim, a cidade se diferencia de sua vizinha Vina del Mar, principalmente pela sua arquitetura, com casas e escadarias coloridas, que expressam a arte e a cultura presente na cidade, e dão  vida e alegria as colinas que compõem a paisagem local.

Valparíso foi reconhecida como Patrimônio da Humanidade pela Unesco em 2003. A própria vida cotidiana e aconchego da cidade já é motivo suficiente para você visitá-la. Mas lá você também encontrará muitas atrações como o Cerro Bellavista, Parque Cultural de Valparaíso, Cerro Concepción, Cerro Alegre e La Sebastiana (casa do poeta Pablo Neruda).

Para chegar em Valparaíso basta ir até Vinã de Mar e de lá ir até Valparaíso, visto que são muito próximas.

Conheça mais sobre as cidades litorâneas Vinã del Mar e Valparaíso neste post do Casal a Bordo.

Isla Negra

Localizada a aproximadamente 96 km de Santiago, também no litoral do Chile, Isla Negra é banhada pelo pacífico e possui lindas praias . Além das lindas paisagem em Isla Negra, você ainda pode visitar uma das casas do poeta Pablo Neruda, a atração mais frequentada da cidade.

Para visitar a cidade por conta própria basta pegar o ônibus para Isla Negra que sai do terminal Rodoviário Alameda.

Valle Nevado

Uma das mais famosas estações de Esqui do Chile, o Vale Nevado fica a aproximadamente 46 km de Santiago. Desse modo, a estação de esqui possui excelente infra-estrutura, com mais de 44 pistas, 15 teleférico, bares, restaurantes, spa, academia, piscina aquecida e escola de esqui para adultos e crianças.  

Para quem quiser se aventurar no Valle Nevado, o local oferece tikets para iniciantes ou profissionais, além de aluguel de roupas, equipamentos e passeio de Gandola. Então, mesmo que você nunca tenha esquiado poderá ir e se aventurar no Valle Nevado.

Para quem quiser se hospedar no Vale Nevado, o local ainda possui hotel. A temporada de esqui no Valle Nevado vai de junho a outubro.

O modo mais comum de acessar o Vale Nevado é contratando o serviço de transfer em alguma empresa. Também é possível alugar um carro para ir ate a estação de esqui, mas nesse caso não é recomendado caso você não tenha pratica em dirigir na neve.

Portillo

Portillo é uma estação de esqui localizada a aproximadamente 160 km de Santiago. Com várias pistas de esqui, a estação oferece boa infra-estrutura para seus visitantes. O local possui pistas para esportistas de todos os níveis, então independente de você ser profissional ou iniciante no esqui, poderá desfrutar do esporte em Portillo. Para quem deseja se hospedar no local, Portillo possui hospedagem com os mais variados preços.

Cajón del Maipo e Embalse El Yeso

Cajón del Maipo e Embalse El Yeso - o que fazer em Santiago
Cajón del Maipo e Embalse El Yeso

Cajon del Maypo é uma cidade que fica a aproximadamente 100 km de Santiago. Desse modo, a cidade  é um paraíso com paisagens naturais surpreendentes. A paisagem mais famosa de Cajón del Maipo é a Embalse El Yeso, uma reserva com paisagens impressionantes, onde águas e montanhas formam um cenário único. 

Como esse é um passeio muito procurado por turistas, a maioria das agências de turismo oferecem o passeio. Também é possível alugar um carro e ir por conta própria, mas nesse caso deve se tomar cuidado com a estrada, e durante o inverno caso não esteja acostumado a andar na neve não é recomendado ir dirigindo.

Para fazer alguns dos passeios por conta própria você poderá alugar um carro, tendo assim mais comodidades. Então, veja aqui quais documentos são necessários para alugar um carro no Chile.

Veja também quando custa viajar para Santiago do Chile, neste post do blog Fora de Casa.

Ansioso para conhecer o Chile? Veja esse vídeo do Chile Travel e se encante ainda mais com todas as belezas e cultura da capital Chilena.