UM MERGULHO NO PASSADO COM O CENTRO CULTURAL DO PATRIMÔNIO PAÇO IMPERIAL NO RIO DE JANEIRO

Atualizado em Junho , 2020

Conheça o Centro Cultural do Patrimônio Paço Imperial, um edifício cheio de história e cultura no Centro Histórico do Rio de Janeiro. Veja ainda sua história e como chegar.

*Salve no Pinterest para ler depois

PAÇO IMPERIAL NO RIO DE JANEIRO

Em algumas viagens, sempre tem aquele edifício histórico que ao visitá-lo fazemos um mergulho na história da cidade. E o Rio de Janeiro conta com vários desses prédios, pois a cidade foi capital do Brasil e abrigou a família real por muitos anos durante o Brasil Colônia.

Desse modo, o Centro Cultural do Patrimônio Paço Imperial é um edifício cheio de história e cultura que te transporta em uma viagem no tempo e que vale a pena a visita.

 Centro Cultural do Patrimônio Paço Imperial do Rio de Janeiro
Centro Cultural do Patrimônio Paço Imperial do Rio de Janeiro

Assim, se você vai viajar para o Rio de Janeiro, além de belas praias como Leblon, Ipanema e Copacabana, você também pode conhecer lugares cheios de história como o Jardim Botânico, Real Gabinete Português, Biblioteca Nacional, Teatro Municipal, Museu de Belas Artes e o Centro Cultural do Patrimônio Paço Imperial.

Então agora vamos mergulhar um pouco na história e ficar por dentro dos acontecimentos desse Monumento Histórico.

Veja os melhores lugares para viajar no Rio de Janeiro.

História do Paço Imperial

O Paço Imperial é um monumento histórico marcado por importantes acontecimentos do Rio de Janeiro e do Brasil.

Paço Imperial do Rio de Janeiro
Paço Imperial – Rio de Janeiro

Assim, a história do edifício começou em 1733 quando Gomes Freire de Andrade, governador e capitão-general do Rio de Janeiro, pede ao rei D. João V (de Portugal) licença para edificar uma nova casa de governo na cidade.

Ficou a cargo do engenheiro militar José Fernandes Pinto Alpoim edificar o novo prédio, no local onde funcionava a Casa da Moeda e o Armazém del Rey (onde guardava carregamentos de sal e açúcar).

Por volta de 1738 começou a construção do edifício. Contudo, ele aproveitou algumas construções que havia na Praça XV Novembro. Assim, em 1743 a nova casa dos governadores foi concluída e resultou em um bela construção em alvenaria, com aspecto de casa senhorial portuguesa.

O Paço Imperial foi o primeiro edifício da cidade a ter vidros nas janelas.

Em 1763, houve a transferência da sede do Vice-Reino do Brasil, que até então era em Salvador e passou a ser no Rio de Janeiro. Assim, o edifício passou a ser o Palácio dos Vice-Reis.

Contudo, em 1808 com a chegada da Família Real Portuguesa no Rio de Janeiro, o edifício passou a se chamar Paço Real e se tornou sede administrativa do Reino Unido do Brasil, Portugal e Algarves. Mas o edifício passou por obras de adaptação.

Paço Imperial – RJ
Paço Imperial – Detalhes construtivos

Ainda mais, o atual Centro Cultural serviu de palco para importantes movimentos políticos e sociais da época. Desse modo, o edifício registrou movimentos como o Dia do Fico, a Abolição da Escravidão e a Proclamação da Independência do Brasil.

E foi após a Independência do Brasil que o edifício passou a se chamar Paço Imperial, nome que tem até hoje.

Assim, em 1938 o Paço Imperial foi tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN). E depois de passar por uma restauração, em 1985 se tornou o Centro Cultural.

Veja mais passeios incríveis no Rio de Janeiro.

Praça XV de Novembro

Vista do Paço Imperial para Praça XV
Vista do Paço Imperial para Praça XV

A Praça XV de Novembro já foi chamada pela população do Rio de Janeiro de Terreiro da Polé (nome popular do Pelourinho) e Largo do Carmo (em referência ao Convento do Carmo). Mas atualmente tem esse nome em homenagem a Proclamação da República.

Aliás, a Praça XV é um dos locais mais antigos do Rio de Janeiro.

Desse modo, de um lado da praça fica o mar (Estação das Barcas), e do outro, a Rua Primeiro de Março (antiga Rua Direita) que era uma das ruas mais movimentadas e importante da cidade.

Contudo, na praça você ainda encontrará o Chafariz do Mestre Valentim que é símbolo do lugar. O Chafariz que foi construído em 1789, no governo do vice-rei Dom Luís de Vasconcelos, tinha a função de abastecer com água a população, bem como, embarcações que ancoravam perto da praça.

Paço Imperial do Rio de Janeiro
Paço Imperial do Rio de Janeiro

Assim, a Praça XV de Novembro também foi palco de importantes eventos que contribuíram para história do Rio de Janeiro e do Brasil.

Além do Paço Imperial, do Chafariz do Mestre Valentim e da Estação das Barcas você encontrará outras importantes atrações como Igreja do Carmo, Igreja da Ordem 3º, Arco de Teles, bares e o Espaço Cultural da Marinha.

Na Estação das Barcas você pode embarcar com destino a Ilha de Paquetá, um dos melhores passeios do Rio de Janeiro. Mas de lá também saem barcas para Paraty e outros lugares.

Sobre o Paço Imperial

O Paço imperial que fica localizado na Praça XV de Novembro é um Centro Cultural voltado para pesquisas, com difusão de manifestações artísticas e intelectuais.

Interior do Paço Imperial - RJ
Interior do Paço Imperial – RJ

Desse modo, o Centro Cultural serve de palco para concertos, peças de teatro, exposições de arte contemporânea, além de realizar eventos educacionais.

Ainda mais, atualmente no local você encontrará lojas e restaurantes, caso queira aproveitar um pouco mais o ambiente.

Assim, o Paço Imperial conta com o Bistrô do Paço que funciona de segunda a sexta das 11h às 19h30 e sábados, domingos e feriados das 12h às 19h. E o Restaurante Arlequim que funciona de segunda a sexta das 10h às 20h e sábados, domingos e feriados das 10h às 18h.

Aliás, no local você encontrará a Biblioteca Paulo Santos que se originou do acervo particular do arquiteto e historiador Paulo Santos. A biblioteca conta com aproximadamente oito mil volumes e 250 títulos de periódicos, bem como, obras raras dos séculos XVI e XVIII.

Acesse o site do Centro Cultural para conferir as exposições e outras atrações.

O Centro Cultural Paço Imperial fica na Praça XV de Novembro, 48, Centro – Rio de Janeiro. E funciona de  terça a domingo das 12 às 19 horas. Mas o melhor, a entrada é gratuita.

Vai viajar para o Rio de Janeiro e conhecer um pouco da sua cultura e história, então veja as principais regiões e bairros para se hospedar.

Como chegar

Você tem muitas opções de transporte para chegar no Centro Cultural Paço Imperial. Assim, pode optar por metro, barca, ônibus ou VLT.

  • De metrô: você deve descer na Estação Carioca. Depois caminhe pela Rua São Jose, em direção as barcas, na Praça XV. Assim, você chegará ao Paço Imperial.
  • De Barca: caso opte por ir de barca, o Centro Cultural fica na Praça XV bem próximo a estação de barcas.
  • De ônibus: se optar em ir de ônibus, muitas linhas passam pela Rua Primeiro de Março. Assim, é só descer no ponto da Praça XV.
  • De VLT: se você optar em ir de VLT, ele possui um ponto na Praça XV, próximo a Estação de Barcas.
  • Outras opções de transportes são Uber, Táxi ou 99POP. Aliás, em nossa viagem ao Rio de Janeiro sempre optamos por chamar um motorista de aplicativo.

Se você vai conhecer o Paço Imperial prefira ir de transporte público ou serviço de táxi/uber, já que o local não conta com estacionamento.

Para ler em seguida:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

”chip